sabato 29 novembre 2008

um pouco de... Vladimir Mayakovsky

"É preferível morrer de Vodka que morrer de tédio"

"Sem forma revolucionária não há arte revolucionária."

"Traduzir poemas é tarefa difícil, especialmente os meus. (...)Uma outra razão da dificuldade da tradução de meus versos vem de que introduzo nos versos a linguagem quotidiana, falada... Tais versos só são compreensíveis e só têm graça se se sente o sistema geral da língua, e são quase intraduzíveis, como jogos de palavras."

"Em algum lugar no mundo, talvez no Brasil, existe um homem feliz."

Nessun commento: